Visitantes online: 4
logo topo

segunda-feira, 22 de julho de 2019

31/08/2017

16:22

Um ano depois do impeachment de Dilma estamos pior do que antes

Rodrigo Rocha Loures, Henrique Eduardo Alves, Michel Temer e Eliseu Padilha acompanham a sessão do Senado que decretou o impeachment de Dilma Rousseff
Rodrigo Rocha Loures, Henrique Eduardo Alves, Michel Temer e Eliseu Padilha acompanham a sessão do Senado que decretou o impeachment de Dilma Rousseff
Desse time da foto acima, Rodrigo Rocha Loures, o homem da mala de R$ 500 mil, está preso em prisão domiciliar. Henrique Eduardo Alves, que teria recebido uma mala com R$ 7 milhões está preso. Michel Temer escapou de uma denúncia por corrupção, comprando deputados, mas vai enfrentar outra ainda mais grave. Temer, segundo Joesley Batista, receberia propinas semanais de R$ 500 mil por período de 20 anos, totalizando R$ 480 milhões. E o ministro Eliseu Padilha, assim como seu colega Moreira Franco, é investigado na Lava Jato. Um ano depois do impeachment é incontestável que o Brasil está pior em todos os sentidos do que estava com Dilma, gostem ou não dela e do PT.

31/08/2017

15:00

Mais uma vitória na luta dos trabalhadores da CEDAE

Reprodução do site da Associação dos Profissionais de Saneamento
Reprodução do site da Associação dos Profissionais de Saneamento
A 8ª Vara Federal já havia decidido suspender a venda da CEDAE em ação da Associação dos Profissionais de Saneamento, presidida pelo meu amigo Vicente Portella. Agora o ministro do STF, Luis Roberto Barrosso concedeu liminar na Ação Direta de Inconstitucionalidade 5683 suspendendo os efeitos da lei aprovada na ALERJ que autorizou a venda da empresa. Com isso fica mais distante a venda da CEDAE.

31/08/2017

13:36

Deputados que votaram para continuar a farra das mordomias no governo Pezão

Esses 26 deputados votaram contra a redução de 30% no salário de Pezão, Dornelles e secretários. Além disso foram contra o teto de R$ 28,7 mil para secretários e assessores cedidos, e mantiveram a farra de gastos com viagens aéreas, aluguel de carros e telefones celulares. Ou seja, o governo Pezão não quer cortar gastos e esses deputados aplaudem. O povo que morra nas filas dos hospitais, as crianças que voltem das escolas sem merenda, os servidores que se virem sem salário e cada um se vire para não ser assaltado ou atingido por uma bala perdida. A farra com o dinheiro público vai continuar.

31/08/2017

12:02

Encontro Marcado com Garotinho - 31 de Agosto de 2017

31/08/2017

09:25

Fala Garotinho (Quinta, 31/08/2017)

30/08/2017

22:43

Garotinho responde perguntas sobre a conjuntura política no Facebook

30/08/2017

18:55

Mais uma vez estamos sendo enganados

Reprodução do Extra
Reprodução do Extra
A atuação das Forças Armadas em conjunto com as polícias Civil e Militar, pelo menos até agora, só serviu para fotos e imagens dos soldados revistando veículos e pessoas, emolduradas por carros blindados e comboios militares e policiais. Nada além disso. Nem um fuzil foi apreendido até agora, a violência cresce a cada dia e não há uma resposta à altura. Tudo não passou de marketing para enganar a população. Muita gente comemorou quando viu o Exército nas ruas no primeiro final de semana da chamada operação. Depois disso nada de relevante ou efetivo aconteceu. Mais uma decepção, como foram as UPPs.

30/08/2017

17:38

A delação que tirou o sono de todo mundo no Palácio do Planalto

Reprodução do Brasil 247
Reprodução do Brasil 247
A delação do doleiro Lúcio Funaro tem 30 anexos. Ali detona com Michel Temer, Eliseu Padilha, Moreira Franco e outros nomes poderosos do PMDB, a começar por Eduardo Cunha, seu principal associado no esquema de propinas e lavagem de dinheiro. A se confirmar, como vem sendo comentado na mídia, que entregou conta no exterior em que teria sido depositada propina para Temer, aí acabou para ele. Não há cargos suficientes, nem dinheiro para emendas que dê jeito na situação de Temer.

Não é à toa que o presidente decidiu atacar antes de ter que se defender, falando em "semear desordem", para usar como argumento quando a segunda denúncia de Rodrigo Janot for formalizada. Mas, mesmo entre os aliados, só se fala que a delação de Funaro é o fim da linha para Temer e outros pesos-pesados do PMDB. Como disse um deputado que me telefonou: "É bom Temer aproveitar bastante as mordomias presidenciais da viagem à China porque será a última nessas condições favoráveis". Será?

30/08/2017

16:17

O oportunismo eleitoreiro de Rodrigo Maia

Rodrigo Maia e Henrique Meirelles
Rodrigo Maia e Henrique Meirelles
Essa é de lascar. Já mostrei aqui no blog que acordo de recuperação fiscal do Rio é altamente prejudicial ao nosso estado, trata-se de um engodo que não vai resolver a crise e empurrará a conta para o próximo governador. Também já anunciei as medidas corretas para enfrentar o problema, que estão sendo ignoradas completamente pelas equipes de Pezão e Temer. Mas como o acordo será saudado e aplaudido pela mídia, e muitas pessoas vão cair nessa lorota, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) está em polvorosa porque quer dar a impressão de que foi ele que "salvou" o Rio de Janeiro. Por isso quer apressar a assinatura do acordo, ignorando os prazos legais, só para ser ele a assinar o acordo, antes do retorno de Michel Temer ao Brasil. Quer enrolar os eleitores fluminense, de olho nas eleições de 2018. Oportunismo eleitoreiro da pior espécie.

30/08/2017

15:06

Deputados riem do povo que morre nas filas das UPAs e hospitais estaduais

No sentido horário: Edson Albertassi (no alto à esquerda), Paulo Melo, Milton Rangel e Pedro Fernandes
No sentido horário: Edson Albertassi (no alto à esquerda), Paulo Melo, Milton Rangel e Pedro Fernandes
É bom que vocês guardem bem a cara e os nomes desses quatro deputados, integrantes da Comissão de Orçamento da ALERJ. Ontem, por 4 a 3, eles aprovaram as contas de Pezão de 2016, mesmo com a decisão do Tribunal de Contas do Estado que reprovou-as por unanimidade.

Pasmem, mas esses deputados, Edson Albertassi (PMDB), Paulo Melo (PMDB), Pedro Fernandes (PMDB) e Milton Rangel (DEM), mesmo sabendo que a Constituição foi descumprida, que Pezão não gastou o mínimo de 12% do orçamento na saúde, debocharam do sofrimento da população, que agoniza sem atendimento na rede estadual. Para eles, que têm todas as despesas de saúde, nos melhores hospitais, bancadas pela ALERJ, pelo nosso dinheiro, o que interessa é agradar Pezão, ignorando sumariamente a legislação. Não estão nem aí para o drama das pessoas, mas em breve estarão batendo na porta de sua casa para pedir votos.

Aliás, agora as contas de Pezão de 2016 irão a plenário. Quero ver quem vai ter coragem de proteger Pezão e debochar do sofrimento do povo, como esses quatro fizeram. Deveriam ter vergonha de ignorar a decisão do TCE. Mas por que será?

30/08/2017

13:23

O sucesso de Garotinho na Rádio Tupi

Reprodução do site SRzd, do jornalista Sidney Rezende
Reprodução do site SRzd, do jornalista Sidney Rezende
É isso que incomoda muita gente, o meu sucesso no rádio, nas manhã da Super Rádio Tupi, onde tem um time de craques da comunicação que levou a emissora à liderança da audiência.

Leia a matéria na íntegra

30/08/2017

11:55

Encontro Marcado com Garotinho (Quarta, 30/08/2017)

30/08/2017

09:25

Fala Garotinho (Terça, 30/08/2017)

29/08/2017

22:42

PR-RJ rumo a 2018

O ex-governador Anthony Garotinho anunciou na plenária estadual do PR que vai decidir no dia 10 de setembro se vai ser candidato a governador do Rio em 2018. A reunião aconteceu no auditório Álvaro Valle, na sede do partido no Centro do Rio.

“Precisamos colocar o Palácio Guanabara de novo nas mãos do povo. Ainda enfrento uma resistência da minha mulher, Rosinha, mas até o dia 10, tomarei a decisão”, disse o ex-governador.

Participaram do evento lotado, além de Garotinho (presidente estadual do partido), representantes dos diretórios municipais, lideranças zonais do Rio, prefeitos, deputados federais, deputados estaduais, vereadores além de demais correligionários.

Entre os prefeitos, Dr. João, líder do Executivo de São João de Meriti, colocou-se à disposição do partido e negou qualquer desavença com Garotinho. “Quem me levou para o partido foi o Garotinho”, agradeceu Dr. João.

Garotinho lembrou da necessidade de escolher um bom candidato, seja qual for o nome aprovado pelo PR, porque o momento exige devido à crise que vai ser deixada pela dupla Cabral e Pezão.

“O que move as pessoas é a esperança. A minha vitamina é S: Sonho”, disse Garotinho.

Os deputados estaduais do PR Bruno Dauaire e Renato Cozzolino também estavam presentes. Dauaire lembrou a importância do projeto, do qual é um dos autores, que proibiu, em 2016, o governo do estado a dar novas isenções fiscais a empresas.

29/08/2017

18:09

Um ano do afastamento de Dilma

Reprodução da Veja
Reprodução da Veja
Dilma e o PT vão realizar um ato para marcar um ano do golpe parlamentar que a afastou da Presidência. Sempre tive uma relação cordial com Dilma, desde os tempos do PDT. Ela errou nas pedaladas fiscais? Sim, errou. Mas só caiu porque não conseguiu administrar o jogo de interesses do Congresso. Tivesse ela o despudor com que Temer atuou para comprar votos da Câmara e se livrar da denúncia por corrupção passiva, hoje continuaria presidente. Mas uma coisa é certa: a esmagadora maioria dos que foram às ruas pedir o impeachment de Dilma está hoje extremamente frustrada. Temer é pior, empurrou o país para uma crise ainda maior do que nos tempos do governo petista, e, ao contrário de Dilma, é acusado de corrupção.

Muita gente acreditou que o aniversário de um ano do afastamento de Dilma seria motivo para comemorações. Mas a realidade é bem diferente, o governo Temer é um desastre em todos os sentidos.

29/08/2017

16:06

Reunião do PR-RJ