Visitantes online: 123
logo topo

domingo, 20 de setembro de 2020

13/01/2020

07:21

Feliz aniversário, Wladimir!

Estou amando estar em Campos. Aniversário de Wlad, o carinho da minha nora Tassiana e a alegria dos meus netos, além de muitos amigos trazendo sonhos,lembranças e esperança.

Wlad amadureceu, hoje é um grande pai, talvez melhor que eu tenha sido para ele.
Que Deus o guarde, o livre dos maus amigos, dos caminhos tortuosos e grave no seu coração, pela infinita misericórdia, que a coroa da vida eterna só é concedida àquele caminha e luta até o fim sem perder a fé.

PARABÉNS MEU FILHO!

Dos pais que te amam,
ROSINHA E GAROTINHO.

11/01/2020

09:31

AVISO AO PRESIDENTE BOLSONARO

Refleti muito antes de escrever essas linhas. Minha família já sofreu demais quando, a partir de 2007, comecei a denunciar a quadrilha instalada no Estado, não apenas no Governo Estadual, mas com forte apoio empresarial e tentáculos em outros poderes.

Quando protocolei a primeira denuncia à PGR em 2012 fui ignorado, Novamente, em 2016, protocolei a mesma notícia crime, acrescida de novos nomes e fatos.

Passadas duas semanas contra o sistema, tive minha primeira prisão decretada por um juiz eleitoral de Campos. Depois seguiram outras, sempre por juízes da minha cidade aliados a membros corruptos do MPE e a PF local. Mas as orientações vinham de cima. No dia seguinte prenderam Sérgio Cabral, que está há 3 anos na prisão, já condenado a quase 300.

Antes da segunda denúncia, sofri ameaças de toda natureza, inclusive de morte, tudo documentado, sem que nenhuma providência fosse tomada. Fui tirado do ar, em pleno programa, num verdadeiro show de humilhação.

Segui com as investigações,que atingiram parte do Ministério Público do Estado, que teve o ex-procurador Geral, Cláudio Lopes preso. Mas todos os detalhes dessa história, inclusive como consegui as fotos da Gangue dos guardanapos, será contada em meu livro que está praticamente pronto.

Muitas máscaras cairão. Condenei a aliança do PSDB e do PT com o capital financeiro criando, inclusive, o termo PETECANOS. Fiquei isolado e apanhando muito, especialmente da GLOBO. Essas forças se juntaram... mas isso fica para depois. O que importa é o que vou dizer agora.

No início do ano passado, enviei ao senador Flávio Bolsonaro, através de um emissário de confiança, informações do que iria acontecer com sua família. Traição, ingratidão e uso da polícia para fins políticos
Versões que viraram realidade.

Talvez por não termos nenhuma relação, nem política nem pessoal, não tenha levado a sério as informações dos fatos que hoje ele e sua família vem enfrentando. Apesar das diferenças de visão do país, sobre caminhos para o Brasil, seria covardia da minha parte não alertar ao presidente que os mesmos os bandidos que atuaram contra mim estão unidos e com baterias prontas para acabar com sua vida política, pessoal e seu governo. Continuam na máquina estatal. Foram aliados de Cabral e ganharam novos parceiros que estão prontos para a missão.

O PT está longe de ser o inimigo número um do presidente. Hoje, há grupos articulados que não sossegarão enquanto não lhe tirarem da cadeira.

Seu filho foi avisado há um ano.

Ou Bolsonaro enfrenta agora essa máfia ou será tarde demais.

ANTHONY GAROTINHO

10/01/2020

23:55

Abrançando os amigos em Campos, depois de uma recepção surpresa.

07/01/2020

19:22

Witzel vai à Disney em viagem particular nos EUA por 11 dias

O governador do Rio, Wilson Witzel (PSC), vai passar 11 dias em Orlando, nos Estados Unidos, em viagem particular. Segundo o site de notícias G1, ele desembarcou na cidade no dia 4 e tem a Disney como um dos destinos.

O comunicado da viagem foi feito aos deputados da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) na última sexta, véspera da viagem.

"Honra-me comunicar a Vossas Excelências que entre os dias 04 e 14 de janeiro de 2020 estarei ausente do país, ocasião em que realizarei viagem, particular, a Orlando - Estados Unidos da América", diz o texto enviado aos parlamentares.

Witzel ficará em Orlando até o dia 14. Até lá, o vice-governador Cláudio Bomfim de Castro e Silva assume interinamente o governo.

Promessas

No último dia 3, em levantamento feito com todos os governadores, o G1 mostrou que Witzel cumpriu 7 das 58 promessas. Entre as propostas que foram realizadas estão a criação de um disque-corrupção e a de um gabinete de segurança.

Ainda falta, por exemplo, a renegociação do regime de recuperação fiscal, a criação de um programa de demissão voluntária e a nomeação de mulheres para metade do secretariado.

Fonte: G1

03/01/2020

22:05

Lei contra abuso de autoridade já está em vigor

Reprodução Tribuna NF
Reprodução Tribuna NF

01/01/2020

23:00

Delação ou vingança

Minha relação com o setor de transporte coletivo nunca foi pacífica e acho que tenho razões para isso.
O setor sempre prejudicou a população, buscou inviabilizar outros modais e corrompeu autoridades.
A delação do presidente da Fetranspor tenta me envolver no mar de lama que eu mesmo denunciei.
Assista ao vídeo de 5 anos passados, na campanha ao governo do estado, durante o debate da revista Veja e tire suas conclusões.

Mesmo sendo perseguido pela Justiça de Campos, nunca me acusaram de enriquecimento ilícito ou de adquirir qualquer patrimônio ou desviar dinheiro público em benefício pessoal.

É sempre bom relembrar que as notícias crime contra Sérgio Cabral, empresários e diversos políticos, foi feita à PGR em Brasília por mim no ano de 2012 e só adotaram providências depois que o Estado faliu. Assista:



01/01/2020

22:03

Justiça

31/12/2019

23:44

Feliz Ano Novo!

"Homens fortes criam tempos fáceis e tempos fáceis geram homens fracos, mas homens fracos criam tempos difíceis e tempos difíceis geram homens fortes."

Provérbio Oriental

Estejamos prontos para as batalhas e alegrias de 2020.

27/12/2019

22:18

Será verdade?

REPRODUÇÃO DO AGENDA DO PODER
REPRODUÇÃO DO AGENDA DO PODER

27/12/2019

02:35

Todos desse esquema foram presos,menos Eduardo Paes? Quem o protege?

26/12/2019

09:13

Prefeito de Campos diz à Justiça que não tem dinheiro para pagar o salário de dezembro aos servidores

25/12/2019

06:09

A família Garotinho deseja à sua família um NATAL de paz!

23/12/2019

16:06

Fala Garotinho

19/12/2019

21:02

Flávio Bolsonaro diz que filha de juiz do caso Queiroz trabalha com Witzel

Flávio Bolsonaro levantou suspeitas sobre a atuação do juiz Flávio Itabaiana, que autorizou ontem as buscas pedidas pelo Ministério Público no caso Fabrício Queiroz.

“É um importante um pequeno detalhe: sabe aonde a filha desse juiz trabalha, a Natália Nicolau? Trabalha com o governador Wilson Witzel, está lá até hoje. E olha, é uma boquinha que parece ser boa, Ministério Público, vocês podem investigar. Porque inclusive eu ouço falar, não sei se é verdade, que ela não aparece muito por lá não. Então é bom investigar se não tem funcionário fantasma dentro do gabinete do governador, que é filha do juiz Flávio Itabaiana”, disse.

REPRODUÇÃO: O ANTAGONISTA

19/12/2019

18:09

Paulo Melo será transferido para presídio da PM

O juiz da Vara de Execuções Penais do Rio de Janeiro, Rafael Estrela, indeferiu o pedido da defesa de Paulo Melo e recusou a sugestão do secretário de Administração Penitenciária do estado, Alexandre de Jesus, para que o ex-presidente da Assembleia Legislativa do Rio cumpra sua pena em casa.

Em sua decisão, o juiz ordenou que o ex-deputado saia de Bangu 8 e seja levado para a Unidade Prisional da Polícia Militar, em Niterói (mesmo presídio em que Luiz Fernando Pezão ficou preso).

Paulo Melo progrediu do regime fechado para o semiaberto e por isso precisaria deixar Bangu 8. Porém, a Seap acabou sendo questionada pela Justiça porque não realizou a transferência.

O secretário afirmou que não há vagas disponíveis nas unidades de semiaberto do Rio de Janeiro em que possam garantir a segurança do ex-deputado por causa de sua atuação como parlamentar.

Estrela lembrou ao secretário que hoje há presos em unidades de semiabertos pessoas com perfis semelhantes ao de Paulo Melo e que o mais justo seria conceder o benefício a elas para que se abrisse uma vaga pra o ex-deputado. E ordenou que ele seja levado para a Unidade Prisional da PM até que a Seap consiga uma carceragem adequado.

REPRODUÇÃO: BLOG DO LAURO JARDIM

17/12/2019

08:50

Governador e ex-governador da Paraíba são alvos de operação da Polícia Federal

O ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB) é alvo de mandado de prisão preventiva na Operação Calvário, deflagrada na manhã desta terça-feira pela Polícia Federal, na capital. O atual governador João Azevêdo (Sem partido) também foi alvo de mandados de busca e apreensão. A PF investiga o desvio de recursos públicos destinados à saúde por meio de fraudes em licitações e em concurso público, corrupção e irregularidades no financiamento de campanhas e o superfaturamento em equipamentos, serviços e medicamentos. São cumpridos 54 mandados de busca e apreensão e 17 mandados de prisão nos estados da Paraíba, Rio Grande do Norte, Rio de Janeiro, Goiás e Paraná.

A PF, o Ministério Público Federal (MPF) e a Controladoria-Geral da União (CGU) apuram o desvio de R$ 134,2 milhões, dos quais R$ 120 milhões teriam sido destinados a políticos e às campanhas eleitorais de 2010, 2014 e 2018.

De acordo com as investigações da PF, organizações socias criaram uma rede de prestadores de serviços terceirizados e de fornecedores com a celebração de contratos superfaturados na gestão dos Hospitais de Trauma, de Mamanguape, e o Metropolitano, em Santa Rita.

Segundo a PF, para se blindar da fiscalização do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), a organização pagou vantagens indevidas, valendo-se de contratos de “advocacia preventiva” ou contratos de “advocacia por êxito”, para ocultar ou dissimular a natureza, origem, disposição e movimentação dos valores.

Coutinho está fora do país e, por isso, a PF solicitou a inclusão de seu nome na difusão vermelha da Interpol.

A defesa do ex-governador ainda não se pronunciou sobre o mandado de prisão. Em nota, o PSB reafirma seu total apoio à apuração dos fatos e reitera confiança na conduta do ex-governador Ricardo Coutinho e dos demais investigados.

REPRODUÇÃO: O GLOBO