Garotinho e Davi Loureiro no comício em São Fidélis (Fotos de Gerson Gomes)
Garotinho e Davi Loureiro no comício em São Fidélis (Fotos de Gerson Gomes)



A cidade de São Fidélis viveu dois momentos distintos no dia de ontem. À noite estive no comício do meu amigo Davi Loureiro (PR), o ex-prefeito que mais fez pelo município, e que vai ser eleito de novo. Como podem ver pelas fotos foi um comício de "casa cheia", com o povo de São Fidélis presente. Mais de 5 mil pessoas compareceram para apoiar Davi Loureiro.

Mas mais cedo quem passou por São Fidélis, foi Cabral e Pezão que foram "somar forças" com o candidato da "máfia das carteiras de motorista falsas", Fenemê (PMDB). Aliás, o prefeito Fenemê por conta do inquérito da Polícia Federal sobre a venda de carteiras na sua auto-escola pode ser preso logo depois da eleição.


Cabral faz campanha em São Fidélis mas mantém distância do povo
Cabral faz campanha em São Fidélis mas mantém distância do povo


Como podem ver pela foto, no comício de Cabral que não juntou nem 500 pessoas, só havia cabos eleitorais, toda a área foi cercada por grades e cavaletes para o povo não se aproximar de Cabral. Mas, aqui para nós, dinheiro jogado fora, só compareceram meia-dúzia de gatos pingados. Enquanto eu caminho no meio do povo, gosto de sentir o calor humano, falar com as pessoas, Cabral foge do povo igual ao diabo foge da cruz. Mas vejam no vídeo abaixo o momento da chegada de Cabral com todo o seu aparato de segurança mantendo distância até dos cabos eleitorais. Ninguém pode chegar perto de Cabral.