Reproduções do G1 e da capa do jornal O Dia
Reproduções do G1 e da capa do jornal O Dia



O delegado Fernando Veloso também não aguentou mais. É o efeito da calamidade pública, da crise financeira sem precedentes que o Estado enfrenta. O que me espanta são as metas do novo secretário de Segurança, Roberto Sá, que pretende reforçar o policiamento e investir em inteligência para desarticular o tráfico. Só se ele fizer milagres, porque sem dinheiro, sem pagar as gratificações atrasadas dos policiais, sem condições de trabalho, sem combustível para viaturas, sem helicópteros (quase todos parados), sem caveirões (igualmente quase todos parados), sem munição, fica muito complicado melhorar a segurança. Nesse ponto concordo com Beltrame que diz que alertou para dias muito difíceis que todos viveremos. Beltrame já queria ir embora, mas ficou até a Olimpíada na esperança de ser nomeado secretário nacional de Segurança, do Ministério da Justiça.