Reprodução da Veja online
Reprodução da Veja online



Ary Ferreira da Costa Filho, o Aryzinho surgiu na investigação da Operação Calicute como mais um dos homens que agia nas sombras a mando de Sérgio Cabral, conforme mostrou a Veja. Mas ele é figura bem conhecida dos leitores do blog. Assessor especial de Sérgio Cabral também atuou como laranja em negócios do ex-governador. Em 2011 mostramos aqui no blog um caso escabroso envolvendo o assassinato de um babalorixá cubano, que Beltrame mandou arquivar porque havia acusação de envolvimento de Aryzinho. Em 2014, como podem conferir abaixo, revelamos uma empresa que Aryzinho abriu em Miami em nome de sua mulher. Esse é outro personagem que denunciamos, mas permaneceu impune, nada foi investigado. No meu dossiê entregue à Procuradoria Geral da República, Aryzinho também aparece.


Reprodução do Blog do Garotinho (agosto de 2014)
Reprodução do Blog do Garotinho (agosto de 2014)