Reprodução da Veja online
Reprodução da Veja online



Cada um tem o amigo Paulinho que merece. Para quem não lembra o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa que entregou o esquema do Petrolão era chamado por Lula de "amigo Paulinho". Agora foi a vez de outro "amigo Paulinho", Paulo Magalhães Pinto, entregar Sérgio Cabral para ganhar direito a prisão domiciliar. E outro amigo, só que de Pezão, o popular Braguinha, Hudson Braga, está negociando a delação premiada. De onde se conclui que as amizades não resistem à prisão.