Reprodução do Extra online
Reprodução do Extra online

A Polícia Federal, junto com a polícia uruguaia, prendeu o doleiro Juca Bala e seu sócio no Uruguai. Juca Bala, segundo o MPF do Rio, foi responsável pela lavagem de mais de US$ 100 milhões de propinas recebidas por Sérgio Cabral. Foi denunciado pelos irmãos doleiros Renato e Marcelo Chebbar que faziam o mesmo serviço para Cabral, mas devido ao aumento do volume de dinheiro roubado tiveram que recorrer a Juca Bala e seu sócio. Os dois estão presos em Montevidéu e serão extraditados para o Brasil. Com isso Cabral, preso em Bangu 8, responderá por mais algumas dezenas de crimes. E Juca Bala não trabalhou só para Sérgio Cabral, mais gente da quadrilha do PMDB usou o seu esquema de lavagem no Uruguai.