Servidores da Segurança Pública em recente protesto na frente da ALERJ
Servidores da Segurança Pública em recente protesto na frente da ALERJ

Policiais civis e militares, bombeiros e agentes penitenciários tinham a promessa de receber hoje o salário de fevereiro. Mas ao longo do dia o pagamento não foi depositado nas contas de milhares de servidores. Ainda não está confirmado se ninguém recebeu ou se alguns chegaram a ser pagos. A revolta é muito grande nas redes sociais. Estamos apurando a informação de que teria havido novo bloqueio das contas do governo estadual. Está para ser feito um bloqueio de R$ 1,36 bilhão nas contas do Estado. Por esse motivo Pezão ligou para o presidente Michel Temer pedindo que o governo federal só bloqueasse 50% do total. O pessoal da Educação recebeu porque o dinheiro é do Fundeb e não pode ser bloqueado.