Reprodução do Globo online
Reprodução do Globo online

Por unanimidade o Supremo Tribunal Federal não aceitou os argumentos de Lula que pretendia escapar de Sérgio Moro. O objetivo era que seu processo subisse para o STF. Agora não tem escapatória, Lula será julgado por Moro. Eduardo Cunha também foi pelo mesmo caminho, mas igualmente não se livrou de Sérgio Moro. Da mesma forma, aqui no Rio, Sérgio Cabral e Adriana Ancelmo já fizeram tentativas de tirar seus processos das mãos do juiz Marcel Bretas, mas também tiveram seus pedidos negados. Já perdia a conta de quantas derrotas Lula, Cunha, Cabral e Adriana Ancelmo sofreram tentando se livrar da primeira instância. Nos casos de Cunha, Cabral e Adriana vários pedidos de habeas corpus também foram indeferidos. Não vai ter jeito. O destino deles vai ser decidido por Moro e Bretas. Só depois do julgamento em primeira instância é que poderão recorrer a instâncias superiores.