Reprodução do Globo online
Reprodução do Globo online

No final de semana, o ministro da Secretaria de Governo, Moreira Franco, falando pelo presidente Michel Temer, descartou a possibilidade de uma intervenção federal no Rio de Janeiro. O governo vai continuar fingindo que o Rio de Janeiro pode suportar a crise cada vez mais grave.

Mas o que me chocou foi que o presidente da ALERJ, Jorge Picciani chegou a sugerir o nome de Moreira Franco para ser o possível interventor do Rio, depois disse que era brincadeira, mas alguns deputados da bancada federal do PMDB do Rio se animaram com a ideia.

Será que ninguém mais lembra do que foi o governo Moreira Franco? Muitos não lembram, mas Moreira foi o governador do Rio de 1986 a 1990, uma tragédia, que evidentemente não chegou perto da calamidade provocada por Cabral e Pezão, mas ainda sim um fiasco. O Rio de Janeiro não merece um castigo desses, caso haja intervenção. Já imaginaram sair Pezão e entrar Moreira, e o PMDB continuar com a chave do cofre? Meu Deus, ninguém merece!