Reprodução da Veja online
Reprodução da Veja online

O ex-presidente da OAS, Léo Pinheiro colocou a corda no pescoço de Lula em depoimento ao juiz Sérgio Moro. Afirmou que o triplex do Guarujá é da família Lula e que reformou a cozinha do sítio de Atibaia, a pedido de dona Marisa, o que reforça a suspeita de também pertencer à família do ex-presidente, mesmo estando em nome de amigos. Léo Pinheiro também contou que os custos da reforma do triplex e da cozinha de Atibaia foram debitados da conta da propina do PT. E além disso fez uma acusação gravíssima, que Lula, quando começou a Lava Jato, teria lhe pedido para destruir provas dos pagamentos de propina ao PT.

E como se não bastasse, o ex-ministro Antonio Palocci também prestou depoimento a Moro e se ofereceu para contar tudo, casos, nomes e endereços. Chegou a dizer que tinha material para a Lava Jato trabalhar por um ano.

Ontem, definitivamente, foi um dia terrível para Lula.