Reprodução da Folha de S.Paulo
Reprodução da Folha de S.Paulo

O juiz Sérgio Moro confirmou o adiamento do depoimento de Lula, de 3 para 10 de maio. Mas francamente, o motivo não convence ninguém. Moro alegou que não haveria tempo hábil para organizar o esquema de segurança nas ruas adjacentes ao prédio da Justiça Federal em Curitiba. Ora, tudo bem que o PT fala em levar 30 mil pessoas para darem apoio a Lula, mas a audiência foi marcada no dia 3 de março. Dois meses não são suficientes para organizar um esquema de segurança? Nem que fosse jogo de Copa do Mundo. Muito embora o PT esteja querendo transformar o depoimento de num evento. Ontem, Lula pediu para o seu depoimento ser transmitido ao vivo. É óbvio que Sérgio Moro vai rejeitar o pedido. Pelo menos os movimentos sociais ligados ao PSDB desistiram de fazer manifestações de protesto contra Lula na mesma hora e no mesmo local. Aí viraria uma guerra de consequências imprevisíveis.