Esse ano completo 42 anos de militância política iniciada na clandestinidade quando tinha 15 anos na luta contra a ditadura militar. Lutei ao lado, dos democratas, dos nacionalistas, dos trabalhistas, dos que exigiam a anistia aos exilados e perseguidos políticos, lutei por eleições diretas, e, principalmente, sempre lutei ao lado do povo.

É claro que conquistei muitos admiradores, mas também despertei muito ódio dos poderosos, coronéis políticos, corruptos, políticos sem amor ao Brasil e ao povo.

Sempre tentaram me aniquilar.

Já me deram como morto politicamente várias vezes e todas elas ressurgi como uma assombração para incomodar esses vendilhões da pátria.

Em Campos sempre foi utilizado contra mim, o mesmo método para tentar me desqualificar; a mentira.

Certa vez inventaram que eu era dono da empresa 1001, em outra oportunidade inventaram que era proprietário da rede de supermercados Super Bom, inventaram também que eu havia adquirido a mansão do jogador Bebeto por milhões de reais na Barra da Tijuca.

MENTIRA. TUDO MENTIRA.

Como também era mentirosa a notícia publicada pela Veja que eu usava avião de traficante na campanha presidencial que disputei em 2002.

Como também centenas de mentiras publicadas ao longo dos anos pelos veículos das organizações Globo contra mim e Rosinha, os quais já nos pagaram dezenas de indenizações.

Recentemente, uma investigada, que se tornou testemunha, na fabricada operação chequinho, a mesma que já mudou seu depoimento 6 vezes e por isso foi considerada indigna de fé pelo Tribunal Superior Eleitoral, me acusa. Mais uma mentira.

Como disse no início, são 42 anos contrariando interesses dos poderosos, defendendo o Brasil e os seus trabalhadores.

Será que, se tivesse realizado algumas das práticas de corrupção de que me acusam, 42 anos de vida pública não seriam suficientes pra provarem alguma coisa? Quem tem conta no exterior?

É Garotinho? Não.

Acharam de José Serra, José Dirceu, Cabral, Eduardo Paes, Aécio Neves, Eduardo Cunha e mais de uma centena de políticos.

Quem tem mansão ou fazendas em lugares paradisíacos, como Búzios, Angra, Mangaratiba, Pantanal ou outro lugar famoso?

GAROTINHO? NÃO.

Encontraram dos Picciani, Fernando Henrique Cardoso, Cabral, de vários petistas e outras centenas de políticos que enriqueceram ilicitamente.

Sempre levei uma vida limpa e honrada e este é meu patrimônio.

Desafio qualquer um a provar o contrário!

Minha vida política e pessoal já foi revirada dezenas de vezes e nada foi achado.

As investigações que fizeram contra mim,mesmo as direcionadas por perseguições,acabaram por me dar um atestado de honestidade.

Não há uma só verdade nas acusações que foram feitas contra mim e outros companheiros neste processo que envolve o cheque cidadão.

USAM A MENTIRA COMO ARMA POLÍTICA.

Existem interesses obscuros que em breve traremos ao conhecimento da justiça brasileira envolvendo as autoridades que conduzem esta ação em Campos, há também o preconceito daqueles que consideram o programa de complementação de renda, CHEQUE CIDADÃO, populismo.

Apesar das arbitrariedades, dos absurdos jurídicos, de depoimentos arrancados a base de tortura, nada temo, porque nada fiz de errado!

Nem eu e nem nenhum daqueles que estão sendo vítimas dessa perseguição covarde, apenas pelo ódio que setores da justiça e das elites nutrem contra mim.

AO FINAL, A VERDADE VENCERÁ.

E eles, continuarão inventando mentiras, fabricando falsidades, para tentar enganar aqueles que quando recebem uma informação não sabem discernir o certo do errado, a verdade da mentira, o interesse político ou econômico que está por trás de uma notícia divulgada por um jornal, rádio ou TV.

Sejamos portanto corajosos e conscientes, pacientes e resistentes, para que, ao fim, possamos estar íntegros e fortalecidos para desmascarar os inimigos do Brasil e do seu povo e construir juntos uma sociedade de paz, fraternidade e justiça social.

ANTHONY GAROTINHO