Reprodução do Paraná Portal
Reprodução do Paraná Portal

Abaixo podem ver o número de vezes que o MPF pede a condenação por lavagem de dinheiro de Sérgio Cabral, Adriana Ancelmo, Wilson Carlos, sua mulher Mônica Carvalho e Carlos Emanuel Miranda, o Avestruz.

Fizemos uma conta sobre as possíveis penas. Se Sérgio Cabral for condenado por corrupção passiva e por 114 ações de lavagem de dinheiro, como pede o MPF, será condenado a pena mínima de 344 anos de prisão. No caso de Adriana Ancelmo (73 vezes) pena mínima de 219 anos; Wilson Carlos (100 vezes) pena mínima de 300 anos; Mônica Carvalho (33 vezes) pena mínima de 99 anos; e Avestruz (54 vezes) pena mínima de 162 anos.

Os réus têm até o dia 5 de junho para apresentar as alegações finais. O juiz Sérgio Moro deve dar as sentenças ainda no mês de junho.

E estamos falando de apenas um dos oito processos que Cabral responde como réu. Por enquanto, porque vêm mais processos por aí.

No processo da Operação Calicute, Sérgio Cabral prestará depoimento amanhã, às 13 horas, ao juiz Sérgio Moro, da 7ª Vara Federal do Rio.

Documento do MPF - PR
Documento do MPF - PR