Reprodução da Veja online
Reprodução da Veja online

E tanto se falou que Eduardo Cunha poderia implodir Michel Temer, mas acabou que o seu homem do dinheiro, o doleiro Lúcio Funaro é que está detonando o presidente da República. A situação de Temer é cada vez mais insustentável. Não tenham dúvidas de que a denúncia da PGR, que deve ser entregue ao STF na próxima semana será bombástica. Comenta-se que a denúncia acusará Temer de corrupção passiva, organização criminosa e obstrução à Justiça, mas pelos elementos que vêm sendo colhidos pode entrar também lavagem de dinheiro.