Lula e Renan Calheiros ontem em Penedo (Alagoas)
Lula e Renan Calheiros ontem em Penedo (Alagoas)

Renan Calheiros é um dos principais caciques do PMDB, que está no poder com o presidente Michel Temer. Lula é PT, o principal partido de oposição ao atual governo. Pela lógica Renan Calheiros não deveria andar de braço dado com Lula. Só que não. Renan é malandro, no próximo ano terá que disputar eleição para o Senado (seu mandato acaba em 2018) e seu filho, o atual governador de Alagoas, Renan Filho (PMDB) é candidato à reeleição. Eles serão candidatos pelo PMDB, mas sabem que Michel Temer, mesmo que consiga se arrastar na Presidência da República, não será um bom cabo eleitoral. Ao contrário de Lula, que continua com grande força, principalmente no Nordeste, inclua-se aí o estado de Renan e da família Calheiros. Por isso Renan acompanha Lula no seu périplo alagoano e nos discursos ataca Temer. Ontem em Penedo (AL) discursou dizendo que Temer vai cobrir o rombo fiscal cortando dinheiro do Bolsa Família. Tem que tirar o chapéu para a esperteza e o oportunismo de Renan. Como diria Sérgio Cabral "é um craque".