Hoje à noite, às 22h, farei um live onde comentarei os principais assuntos da semana no Brasil e nosso estado. Claro que não deixarei de falar sobre as mentirinhas do doleiro Lúcio Funaro, em sua delação premiada, tentando me envolver. Chega a ser contraditório o que ele afirma. Basta você assistir ao vídeo abaixo “Garotinho denuncia emenda de Eduardo Cunha como ‘MP dos Porcos’”, no qual Funaro aparece como operador de Cunha e seu sócio em alguns negócios, para perceber que não passa de vingança a mando do ex-deputado, a inclusão sem nenhuma prova concreta de meu nome em uma extensa delação, onde há omissões propositais, como os deputados amigos de Eduardo Cunha, que compõem o Centrão, inverdades e muitas verdades, aquelas que todo mundo já sabia, faltava apenas a materialidade.



Quando na semana passada adiantei que a delação de Funaro seria uma bomba, já tinha lido todos os seus anexos, publicados em primeira mão pelo Blog do Jota, que faz uma cobertura muito voltada ao Supremo, por isso o conteúdo nunca me preocupou.

Com relação a Michel Temer, Geddel Vieira Lima, José Yunes, Moreira Franco, Henrique Eduardo Alves e outros caciques do PMDB, a situação é alarmante. Não sei se isso será capaz de mudar o placar do plenário da Câmara, hoje amplamente favorável a impedir que o Supremo investigue Temer, mas certamente acirrará os ânimos. Hoje, por exemplo, Rodrigo Maia chamou o advogado de Temer de “incompetente e irresponsável”, porque afirmou “ser um criminoso vazamento” a divulgação dos vídeos da delação de Funaro, feita pelo site da Câmara. A tensão é grande entre os presidentes da República e da Câmara. Só não sei se suficiente para impor uma derrota ao presidente da República, embora sua impopularidade seja um fator que pesa mais a cada dia que passa.

Conto com vocês, a partir das 22 horas, no meu Facebook, para debater os principais assuntos do nosso país e do nosso estado.