Luciano Huck pode nunca ter se candidatado a qualquer cargo político, mas sempre flertou com o lado mais obscuro da política atual: Sérgio Cabral, Aécio Neves e Eduardo Paes. Vivia posando para fotos ao lado deles e de Eike Batista, parabenizava-os por "somarem forças" pelo Rio. Nós vimos no que deu essa união. E Huck também se beneficiou dessas parcerias.

Se ele for mesmo candidato a governador do Rio ou Presidente da República vai ter que explicar o "Decreto Luciano Huck", assim apelidado por ambientalistas, quando contratou o escritório de advocacia de Adriana Ancelmo e ganhou de Sérgio Cabral um decreto especial para chamar de seu, permitindo a construção de uma mansão em Angra dos Reis em área de preservação ambiental. Relembrem a matéria do blog publicada em 2010.

Leia a matéria do blog sobre Luciano Huck