Faixas pró-intervenção militar na parada de 7 de setembro
Faixas pró-intervenção militar na parada de 7 de setembro

Não haverá nenhuma sessão deliberativa esta semana na Câmara dos Deputados. Nem mesmo com medidas provisórias importantes vencendo, os deputados tiveram coragem de ficar em Brasília para saber o que vai acontecer no dia 15 de novembro quando está programada uma mega manifestação no país inteiro, pedindo intervenção militar. Ontem pelas redes sociais a convocação para os atos no Rio, São Paulo, Brasília e Porto Alegre era intensa, o que levou o comando das Forças Armadas a aumentar o nível de alerta sobre o movimento.

Um vídeo onde um general do Exército convoca os tenentes e outros oficiais a assumirem uma posição patriótica está causando frisson entre os defensores da intervenção militar constitucional, se é que existe isso mesmo. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia vai se reunir com o ministro do STF, Alexandre de Moraes e depois vem para o Rio se encontrar com Pezão e prefeitos fluminenses. O discurso oficial é que o deputado vai apresentar um pacote de medidas contra a violência, mas na verdade o que se fala é que vão tratar da campanha do ano que vem no estado.