Ministro Raul Jungmann
Ministro Raul Jungmann

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann classificou o ato criminoso como "intolerável". Mas fiquei estarrecido com a declaração dele dizendo que a Polícia Federal não vai investigar a ocorrência por tratar-se de crime da esfera estadual.

É uma enorme contradição. Basta lembrar que logo após o assassinato da vereadora Marielle Franco, o ministro Jungmann anunciou que a Polícia Federal iria atuar na investigação. Pela lógica do ministro, o caso de Marielle então também seria um caso estadual. Não dá para entender.

Reprodução do Extra
Reprodução do Extra