Reprodução O Globo
Reprodução O Globo
Em entrevista ao programa "Poder em foco", que foi ao ar, no SBT, o presidente da República, Michel Temer, admitiu que parte da reforma da casa de uma de suas filhas foi paga pela mulher do coronel Lima, alvo de investigações e inquérito da Lava-Jato. Delatores da JBS disseram que entregaram R$ 1 milhão em propina ao coronel, que é amigo do presidente. A suspeita é que esse dinheiro tenha sido usado para fazer obra no imóvel de Maristela Temer em São Paulo. Na entrevista ao SBT, o presidente disse que o pagamento foi legal e negou qualquer irregularidade.

Comentários

07/05/2018

06:03

David - Duque Caxias

Essa nem brasileiro acredita

07/05/2018

07:11

Diarista - Quando vai parar isso no estado governador Pezão?

https://g1.globo.com/google/amp/g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/roubo-de-carga-na-linha-vermelha-deixa-motoristas-em-panico.ghtml

08/05/2018

06:09

Daqui pra frente vamos rezar e orar para nenhum presidente - não desviar dinheiro dos lucros do petróleo/da Petrobras

https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2018/05/08/lucro-petrobras-primeiro-trimestre.amp.htm