O dono da empreiteira Delta, Fernando Cavendish, e o bicheiro Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, foram condenados nesta quarta-feira por lavagem de dinheiro e associação criminosa no processo da Operação Saqueador, que apurou a lavagem de dinheiro da empreiteira. O juiz Marcelo Bretas estabeleceu uma pena de quatro anos, dois meses e dez dias para Cavendish e de nove anos e seis meses para Cachoeira.

Cavendish foi acusado de ter gerado R$ 370 milhões para o caixa dois da Delta por meio de lavagem de dinheiro com as empresas de Carlinhos Cachoeira e de Adir Assad. Cavendish é réu confesso no processo. Ele reconheceu os crimes e declarou que parte dos recursos foi usado para pagar propina ao ex-governador Sérgio Cabral. Na sentença, o juiz fala que o empreiteiro era o principal líder do esquema criminoso.