Reprodução do Facebook
Reprodução do Facebook


Para escapar da revolta dos servidores estaduais, a ALERJ devolveu a Pezão o pacote de maldades que seria votado na próxima terça-feira. Ficou para fevereiro, depois do recesso. Picciani sabia que com a divulgação do calendário do pagamento do salário de novembro parcelado em nove vezes o protesto dos servidores seria com os ânimos extremamente exaltados. Mas o MUSPE (Movimento Unificado dos Servidores Estaduais) manteve a convocação para o protesto de terça-feira. Dezenas de milhares de servidores e aposentados vão receber até o Natal apenas a miséria de R$ 370.

Infelizmente se confirmou tudo o que anunciei em janeiro deste ano aqui no blog, que Pezão não teria dinheiro para pagar os servidores até o final do ano. Eu mostrei números da dívida e expus todos os equívocos que foram sendo cometidos, mês após mês, por Pezão e Dornelles. A imprensa fingiu que não sabia e o movimento dos servidores, na minha modesta opinião, demorou a acordar para a gravidade da situação, se deixou levar pela conversa fiada de Pezão e Dornelles, achando que havia solução.

Comentários

17/12/2016

05:13

Professor - Rio de Janeiro - RJ

O desgoverno corrupto e inepto da dupla Cabral-Pezão roubou o nosso salario, o 13 e as nossas esperanças.

17/12/2016

05:40

leandro - rio

lugar de ladrao e no xadrez

18/12/2016

07:05

Jose Luiz Germano da silva - Rio de Janeiro

Governador sou servidor do DER-RJ e militante do Movimento Negro e estou no CMAS/RJ como 12 Secretario e venho participando da manifestações contra o pacote de maldades e gos taria dde conhecer melhor o PR onde o senhor é o presidente! Desde conte comigo!

20/12/2016

12:51

SGT FRANK LAURO - RJ

BOMBEIROS E PMS VÃO CRUZAR OS BRAÇOS NO REVEILON E CARNAVAL.... FAZER FESTAS PRA TURISTA É MOLE , QUEREMOS SALÁRIO NA CONTA..

14/01/2017

06:37

Leonardo Oliveira - Rio de janeiro

Quero impeachment do Pezao parece fim do mundo servidores sem receber policias sem receber o Pezao corrupto...