Os três deputados já estão no presídio vip de Benfica onde ficarão na mesma galeria de Sérgio Cabral e seus ex-secretários Wilson Carlos, Sérgio Côrtes e Hudson Braga, o Braguinha, além de Jacob Barata, o "rei dos ônibus" e Lélis Teixeira, ex-presidente da Fetranspor, e vários operadores do esquema de propinas e lavagem de dinheiro. Muita gente não acreditou que isso um dia aconteceria.

A sessão extraordinária da ALERJ que vai votar a prisão foi marcada para as 15h. Pela manhã a Comissão de Constituição e Justiça vai elaborar um parecer, que, é óbvio, será contrário à prisão. Aliás, o PMDB vai indicar novo presidente e mais integrante da comissão.