Visitantes online: 1
logo topo

segunda-feira, 22 de julho de 2019

01/11/2017

15:27

Tentando atingir Marcelo Bretas

Reprodução do blog de Ancelmo Gois, do Globo
Reprodução do blog de Ancelmo Gois, do Globo
Só é bom frisar, porque a nota não diz, que se são investigações totalmente ilegais. Mas para mim não é surpresa. É assim que a quadrilha do PMDB sempre agiu, inclusive contra mim. Vivem tentando descobrir alguma coisa para prejudicar, enxovalhar, denegrir a imagem daqueles que consideram adversários. E o juiz Marcelo Bretas é hoje considerado pela turma de Cabral como o inimigo nº 1.

01/11/2017

09:25

Fala Garotinho (Quarta, 1º de Novembro de 2017)

31/10/2017

18:06

Picciani quer se desfazer do rebanho

Reprodução do blog de Lauro Jardim, do Globo
Reprodução do blog de Lauro Jardim, do Globo
Vendo a vaca ir para o brejo por conta das investigações da Lava Jato, a família Picciani decidiu colocar à venda o seu plantel de 500 bois e vacas nelore. Muita gente se surpreendeu com o número reduzido do rebanho dos Picciani's, imaginando que a família teria milhares de cabeças de gado. É aí que está a questão crucial, a maior parte do rebanho de Jorge Picciani e filhos são "vacas e bois de papel". Só existia no papel para "esquentar" operações de repasse de propinas onde eram simuladas operações de venda de gado. Picciani está com medo de ter bens bloqueados pela Lava Jato e corre para fazer dinheiro, que certamente não ficará nas contas bancárias da família ou das empresas.

Aliás, Picciani gravou um vídeo onde expressa sua indignação com as declarações atribuídas ao ministro da Justiça, Torquato Jardim sobre o crime organizado comandar a segurança pública do Rio. Dá vontade de rir, se não fosse para chorar da situação que vivemos.



31/10/2017

16:48

Com Pezão não há solução

Reprodução do Extra
Reprodução do Extra
Novembro começa amanhã e Pezão ainda deve o salário de agosto a 15 mil servidores e o de setembro a 220 mil. E o 13º de 2017 só sairá se acontecer um milagre. A verdade é simples, só não vê quem não quer. Enquanto Pezão for governador e for mantida sua equipe incompetente o Rio de Janeiro não voltará a andar para a frente.

31/10/2017

15:20

Mais uma pesquisa saindo do forno

Reproduções do Brasil 247 e do Poder 360
Reproduções do Brasil 247 e do Poder 360
A pesquisa do DataPoder 360 revela um fato natural. Caso Lula não entre na disputa presidencial, Ciro Gomes será o principal beneficiado. Ciro Gomes foi ministro de Lula, passou do PSB para o PDT, ambos partidos que deram sustentação aos governos petistas (Lula e Dilma). Se o PT não tiver um candidato competitivo será natural os petistas apoiarem a candidatura de Ciro.

Mas reparem como o PSDB afundou de vez. Mais da metade dos eleitores brasileiros dizem que não votam em candidato tucano de jeito nenhum. É o efeito do apoio e proteção a Temer e Aécio.

31/10/2017

14:05

Cabral vai continuar no presídio de Benfica

Reprodução do Globo
Reprodução do Globo

31/10/2017

12:33

Ministro da Justiça diz que "deputado estadual e o crime organizado" é que mandam na segurança pública

Reprodução do UOL
Reprodução do UOL
É gravíssima a situação do Rio de Janeiro. O jornalista Josias de Souza, da Folha e do UOL, tem credibilidade, não iria inventar essa conversa envolvendo o ministro da Justiça, Josias de Souza. Mas vem ao encontro do que repito desde a posse de Pezão, que não há comando, nem o atual governador tem autoridade para nada. Todo mundo político sabe que as decisões do governo Pezão hoje são tomadas quase sempre na ALERJ. Mas estou curioso em saber que é esse deputado estadual que, segundo Josias de Souza, o ministro da Justiça considera que manda na segurança pública do Rio junto com o crime organizado.

31/10/2017

09:25

Fala Garotinho (Terça, 31/10/2017)

30/10/2017

18:03

O Rio quer paz, mas não se mobiliza

O Rio de Janeiro continua sendo a Cidade Maravilhosa por suas belezas naturais, mas no dia a dia se transformou num cenário de violência, de guerra mesmo. No final de semana ouvi de uma pessoa na rua um comentário que registrei: "Nem matando um comandante de batalhão as pessoas se mobilizam para ir à rua pedir providências contra a violência". De fato vejo com tristeza o silêncio da sociedade organizada. É como se a matança de policiais, as incontáveis vítimas de balas perdidas, a onda de assaltos e arrastões, os tiroteios e confrontos entre facções criminosas rivais fosse uma realidade inevitável, que não tem solução, por isso não vale a pena lutar por dias melhores, por mais segurança. Como lembrou bem um amigo meu, parece que só no dia em que alguém da elite da cidade for vítima da violência é que a mídia e as entidades civis vão se convencer que é preciso conclamar a população a cobrar as autoridades. É desanimador esse silêncio onde as pessoas se limitam a protestar nas redes sociais.

30/10/2017

16:44

Servidores marcam protestos contra Pezão

Nesta terça-feira (30/10), pais, alunos, professores e servidores da Faetec, que está com o salário atrasado e em greve, vão protestar às 16h, na ALERJ. Também amanhã os funcionários do Teatro Municipal vão fazer um ato de protesto com apresentação de música e dança na escadaria em frente à Cinelândia por conta do atraso nos salários. Na quarta-feira, caso haja o leilão do empréstimo da CEDAE, por enquanto suspenso por liminar, os trabalhadores da estatal vão fazer manifestação em frente ao Palácio Guanabara. E no dia 8 de novembro, na próxima semana, o MUSPE quer colocar 100 mil pessoas em frente à ALERJ.

Pezão não disse que com a assinatura do acordo de recuperação fiscal acabariam os atrasos no pagamento dos servidores? A imprensa não aplaudiu e comemorou os novos tempos?

Vocês devem ter visto eu dizer aqui no blog, assim como na Tupi e no Facebook, que era tudo balela, que os problemas continuariam. Bem, a homologação do acordo completará dois meses na próxima semana. Até agora Pezão não conseguiu completar o salário de agosto.

30/10/2017

15:25

Luciano Huck não tem nada de novo na política

Luciano Huck pode nunca ter se candidatado a qualquer cargo político, mas sempre flertou com o lado mais obscuro da política atual: Sérgio Cabral, Aécio Neves e Eduardo Paes. Vivia posando para fotos ao lado deles e de Eike Batista, parabenizava-os por "somarem forças" pelo Rio. Nós vimos no que deu essa união. E Huck também se beneficiou dessas parcerias.

Se ele for mesmo candidato a governador do Rio ou Presidente da República vai ter que explicar o "Decreto Luciano Huck", assim apelidado por ambientalistas, quando contratou o escritório de advocacia de Adriana Ancelmo e ganhou de Sérgio Cabral um decreto especial para chamar de seu, permitindo a construção de uma mansão em Angra dos Reis em área de preservação ambiental. Relembrem a matéria do blog publicada em 2010.

Leia a matéria do blog sobre Luciano Huck

30/10/2017

14:02

Partido de Marina Silva está se esfacelando

Reprodução do Brasil 247
Reprodução do Brasil 247
Marina Silva ainda não sabe se vai ser candidata à Presidência, pelo menos é o que diz publicamente. Mas seu partido, a Rede, está perdendo cada vez mais apoio. O estilo centralizador de Marina está levando muita gente a deixar o partido. Um exemplo está aqui no Rio. O deputado Alessandro Molon, o principal nome no estado, já de saída da Rede está batendo à porta de outros partidos.

A maior prova da queda de Marina e da Rede é a última pesquisa do IBOPE que lhe atribui entre 8% e 11%, dependendo do cenário, um pouco mais só quando é apresentada uma cartela sem Lula como candidato do PT.
Nas eleições de 2010 teve 19% e em 2014 foram 21%.

Omissões e posições dúbias também contribuem para o desencanto de muitos eleitores com Marina Silva.

30/10/2017

12:20

Na política, infelizmente, tudo está no seu lugar



A dancinha do vice-líder do PMDB, Carlos Marun (MS) comemorando a "salvação" de Temer é retrato da imoralidade que continua reinando na política brasileira. Marun já foi o "general" da tropa de choque de Eduardo Cunha.

Esta semana o Congresso não pegará fogo, como na semana passada, afinal com feriadão começando na quinta, nada de importante aparece na pauta da Câmara ou do Senado.

Mas depois das "férias" a prioridade será aprovar projetos que possam abafar a Lava Jato. Nada que nos surpreenda após a votação que livrou Temer. E o Brasil segue ladeira abaixo, com Temer na presidência e o PMDB e o PSDB mais unidos do que nunca na cruzada pela impunidade. Então Carlos Marun tem razão em cantar "Tudo está no seu lugar", só que quem dança somos todos nós.


30/10/2017

09:25

Fala Garotinho (Segunda, 30/10/2017)

29/10/2017

22:19

Garotinho e Clarissa no Facebook

29/10/2017

15:27

A revolta de um servidor público perseguido por Sérgio Cabral



Neste sábado comemorou-se o Dia do Servidor Público, que no caso dos servidores estaduais é mais um dia de luto do que confraternização. Em 2011 os bombeiros do Rio de Janeiro iniciaram um movimento por melhores salários e condições de trabalho. O então governador Sérgio Cabral mandou massacrar os bombeiros. Colocou o BOPE para investir contra bombeiros e familiares que protestavam. Os líderes foram presos e levados para Bangu, tratados como criminosos, e vários foram expulsos da corporação. Entre os que lideraram o movimento estava o subtenente Valdelei, que chegou a se abrigar na minha casa. Ontem ele foi para a porta do presídio vip de Benfica para protestar contra Sérgio Cabral e fazer seu desabafo por todas as perseguições que sofreu. Foi aplaudido por familiares de outros presos.

Aproveito para saudar todos os servidores públicos, que sabem muito bem, que foram tratados com dignidade por mim, além de nunca terem recebido salário com atraso.