Visitantes online: 933
logo topo

sexta-feira, 20 de abril de 2018

19/04/2018

05:51

Mais uma covardia da Globo contra Garotinho

18/04/2018

12:18

Uma surpresa no aniversário de Garotinho

Vídeo gravado ontem à noite.



Reprodução do Facebook de Rosinha
Reprodução do Facebook de Rosinha

17/04/2018

12:42

Carta Aberta de Garotinho sobre a perseguição de Luiz Zveiter

Reprodução do Blog de Luis Nassif, com foto de Garotinho
Reprodução do Blog de Luis Nassif, com foto de Garotinho

.

17/04/2018

05:50

STF suspende julgamento da Operação Chequinho no TRE-RJ

Reprodução do Diário da Planície
Reprodução do Diário da Planície

.

17/04/2018

05:45

Papo Reto com Garotinho



16/04/2018

13:34

O fator Joaquim Barbosa

Reprodução do Globo
Reprodução do Globo

A pesquisa Datafolha, divulgada no domingo, mostra nas várias simulações que o PT sem Lula não tem outro candidato. Jaques Wagner e Fernando Haddad não vão além de 2%, mesmo patamar de Manuela D'Ávila (PCdoB). Outro "herdeiro" de Lula, Guilherme Boulos (PSOL), líder do MTST, está com 1%. Logo, na hipótese quase certa de Lula não conseguir ser candidato, a única opção será compor com Ciro Gomes (PDT).

No campo governista Michel Temer não consegue mais do que 2%, no melhor dos cenários, e Henrique Meirelles amarga 1%, a mesma situação de de Rodrigo Maia (DEM).

E Geraldo Alckmin, com o PSDB atolado no mar de lama da corrupção, patina entre 6% e 8%, dependendo do cenário.

Jair Bolsonaro e Marina Silva estão tecnicamente empatados na frente no cenário sem Lula.

Quem surpreendeu na pesquisa foi o ex-ministro Joaquim Barbosa (PSB), que se filiou ao partido, mas ainda não confirmou se vai disputar a presidência, deixou o anúncio da decisão para maio. Mas sem dúvida neste momento aparecer à frente de Ciro e Alckmin, e não muito distante de Bolsonaro e Marina é um incentivo e tanto à sua candidatura. Mas claro que existem outras questões envolvidas.

Se Joaquim Barbosa confirmar a candidatura o cenário eleitoral vai mudar completamente.

15/04/2018

10:55

Eleição presidencial está sendo disputada no grito

Charge de Arabson
Charge de Arabson

Impressiona o baixo nível, o radicalismo que tomou conta da pré-campanha eleitoral presidencial. Estamos num vasto e assustador deserto de ideias. Nenhum pré-candidato apresenta nenhuma proposta, não se discutem os problemas nacionais. Estamos a menos de seis meses da eleição.

Em 2002, quando me candidatei a presidente, e tive quase 15 milhões de votos, pelo PSB, na época um partido pequeno, a esta altura já tinha apresentado várias propostas para o país, como o salário-mínimo a R$ 400 (valor da época), minha equipe do plano de governo trabalhava a todo vapor.

Agora só vemos radicalismo, ataques, a pré-campanha está na base do "tiro, porrada e bomba". As redes sociais viraram um octógono de UFC, cheias de golpes baixos, ofensas à honra dos candidatos, mas não vê uma ideia, uma proposta para o país.

É decepcionante e preocupante.


14/04/2018

14:34

Fala Garotinho (14 de Abril)

13/04/2018

15:03

Aécio Neves quis dar uma de esperto para cima do ministro Marco Aurélio Mello

Reprodução do G1
Reprodução do G1

Sintam a jogada para adiar a sessão do STF que vai decidir na terça-feira se Aécio Neves vira ou não réu na denúncia sobre a gravação onde o senador mineiro pede propina de R$ 2 milhões ao empresário Joesley Batista. Como sua irmã. Andrea Neves está na mesma denúncia, a defesa dela alegou que seu advogado não poderia comparecer à sessão de terça-feira. Mas não colou. O ministro Marco Aurélio fez questão de evidenciar que na defesa de Andrea constam doze advogados. Se um não pode comparecer, outro pode assumir a sustentação oral de sua defesa.

13/04/2018

12:35

Cabral quer voltar à boa vida de Benfica

Reprodução do Diário do Poder
Reprodução do Diário do Poder

Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária, Cabral ontem mal tocou nas quentinhas de almoço e jantar de Bangu 8, afinal era frango com arroz, feijão e legumes. Muito longe do seu paladar refinado. Por isso, seus advogados já pediram sua transferência para a Cadeia Pública de Benfica. Alegam que ele corre risco de vida em Bangu 8. Mas todo mundo sabe que não é nada disso. Cabral quer voltar para Benfica porque sabe que lá tem todos os privilégios, além da companhia de vários amigos, integrantes da mesma quadrilha, e ainda conta com um ex-PM que trabalha para ele como segurança e mordomo. Claro que em Benfica pode voltar a receber comida do Antiquarius e outros restaurantes refinados, sem precisar comer a quentinha dos presos.

12/04/2018

14:26

A tragédia social cresceu no governo Temer

Reprodução do Brasil 247
Reprodução do Brasil 247

O Brasil está dando marcha a ré na questão social desde a posse de Michel Temer. Esse é um fato incontestável. Mais de 300 mil famílias foram excluídas do Bolsa Família no ano passado, e não foi por causa de fraudes. Foram cortes para conter gastos. Além disso o Bolsa Família não teve reajuste. Seguimos ladeira abaixo atravessando "a ponte para o futuro" do MDB, que, como sempre, a última coisa que pensa é no povo. Por isso só poder piada de mau gosto o MDB querer disputar a eleição presidencial, seja com Temer, Henrique Meirelles ou qualquer outro que possam inventar.

12/04/2018

12:41

O Viva Rio e os negócios com a quadrilha do MDB

Reprodução da Folha de S. Paulo
Reprodução da Folha de S. Paulo

O diretor-executivo do Viva Rio, Rubem César Fernandes quer disputar o Governo do Rio, se apresentando como independente, um nome novo na política. É um direito dele, como é um direito da população que ele explique os contratos milionários do Viva Rio com a quadrilha do PMDB, hoje MDB, que, aliás, denunciei há vários anos, conforme poderão conferir abaixo.

Reproduções do Blog do Garotinho
Reproduções do Blog do Garotinho

11/04/2018

13:44

A hora de Aécio vai chegar

Reprodução do Globo online
Reprodução do Globo online

Na próxima terça-feira, finalmente, após 10 meses da denúncia feita pelo então Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, a Primeira Turma do STF, composta pelos ministros Marco Aurélio Mello (relator), Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux vai decidir se Aécio Neves vira réu no caso da propina de R$ 2 milhões, pedida ao empresário Joesley Batista, que gravou a solicitação nada republicana.

Diante das provas, e pelas posições recentes dos ministros da Primeira Turma, não acredito que Aécio Neves consiga se livrar. Mas é preciso aguardar.

11/04/2018

05:49

Justiça não é lugar para vingança

10/04/2018

15:38

Delírio de Pezão

Reprodução de O Dia
Reprodução de O Dia

Pezão só pode ter construído uma fantasia na sua cabeça, criado um mundo particular, fruto de alguma patologia. Só isso explica essa declaração completamente delirante. Acho que está vendo "luzes", não sei se está ouvindo "vozes". Pede pra sair, Pezão! Ninguém aguenta mais a sua loucura.

10/04/2018

12:35

O destino de Sérgio Cabral

Reprodução do G1
Reprodução do G1

Caberá aos ministros da 2ª Turma do STF, Gilmar Mendes (relator), Dias Toffoli, Edson Fachin, Ricardo Lewandowski e Celso de Mello decidir se Sérgio Cabral permanece em Curitiba ou volta para o Rio. O parecer do MPF é contra o retorno ao Rio, onde todos sabem dos privilégios e da boa vida que levava em Benfica, com direito até a suíte vip de motel, além de ter à disposição um ex-PM (preso), que era seu segurança e mordomo. Vamos aguardar a decisão dos ministros do STF.

Só para atualizar a situação de Cabral. Ele já foi condenado a 100 anos de prisão em 5 processos. Na Justiça Federal do Rio é réu em outros 17 processos. Além disso virou réu em dois processos na Justiça Estadual. E não vai parar por aqui.


PrimeiroAnterior1 2 3 4 ProximoUltimo